Já conheces o meu livro?

Newsletter

back to top

Deixar ir

É preciso deixar ir. É preciso cortar de vez a ligação com o passado. É preciso abandonar as recordações que nos prendem ao que foi. É preciso perder o medo de construir memórias novas e ganhar fôlego para viver intensamente o que aí vem. É preciso olhar ao espelho e voltar a admirar os milhares de pormenores bonitos de que somos feitos e que, por vezes (tantas), esquecemos ter no meio da rejeição, da desilusão e da dor. É preciso agradecer quem está, quem fica, quem permanece ao nosso lado, mas também quem esteve e decidiu ir — pelo que nos deu enquanto esteve e pelo que nos deu ao ir: a liberdade para encontrar algo melhor para nós, que nos dê (e acrescente) o valor que merecemos.

Eu sou a Laura. Sou uma apaixonada contadora de histórias, e autora de um livro que fala de amor. Sou desenhadora gráfica e ilustradora, a viver e a trabalhar no centro da fantástica cidade de Londres. Em 2014, criei o blog "apeteces-me", que chamou a atenção de uma editora nacional, Marcador, depois de se ter tornado algo popular com mais de 130.000 seguidores no Facebook, e foi assim que me tornei autora de um livro. Completamente apaixonada pelo meu trabalho, é nas pessoas, nos lugares e nos pequenos prazeres da vida que encontro a minha maior inspiração.

9 Comments

  • 14 Maio 2020
    reply

    Fernanda Flora

    E coragem. Muita coragem para deixar ir…
    Parabéns!

  • 14 Maio 2020
    reply

    Elisabete

    Como é verdade… mas às vezes tão difícil! mas sim é preciso!

  • 14 Maio 2020
    reply

    Ana Banon

    E tão difícil que é “deixar ir” e tão importante que só assim avançamos e nós encontramos.
    Saudades tuas. Continuo a adorar ler-te. 😘

  • 14 Maio 2020
    reply

    Fátima Santos Silva

    É tão difícil deixar ir que é sempre um pedaço de nós que vai também…!! Bjinho Laura … gosto muito do que escreves …!! Parabéns

  • 16 Julho 2020
    reply

    Horacio Trindade

    Costumava ler-te sempre quando estavas no Face e sempre gostei, mas só agora te reencontrei e fiquei feliz.
    Para comprar o teu livro Apeteces-me, é fácil?
    Quando puderes diz.
    Obrigado, beijinhos.
    Horacio

Deixa aqui o teu comentário... e vamos conversar!

%d bloggers like this: